Netflix anuncia mais 4 filmes em parceria com o Adam Sandler

A Netflix anunciou hoje a extensão de seu contrato com Adam Sandler, com o comprometimento em financiar o desenvolvimento e produção de mais quatro filmes em longa-metragem estrelados pelo comediante de sucesso. A Happy Madison Productions, de Sandler, produzirá cada um dos filmes, que estrearão exclusivamente para os 93 milhões de membros da maior rede mundial de entretenimento.

Sandler, cujos filmes arrecadaram mais de US$ 3 bilhões, dominou as bilheterias de todo o mundo com filmes como Gente Grande, Zohan: o Agente Bom de Corte, Billy Madison: um Herdeiro Bobalhão, O Paizão, O Rei da Água e Juntos e Misturados. Em 2014, o multi-talentoso ator, roteirista, produtor e cantor-compositor de ocasião definiu suas ações na direção da conquista do mundo do streaming e seus filmes tiveram enorme sucesso na Netflix. Na época de seu lançamento, os primeiros filmes de Sandler na Netflix, The Ridiculous 6 e Zerando a Vida foram os maiores lançamentos de filmes para o serviço.

Este anúncio vem às vésperas do lançamento do mais recente longa-metragem do prolífico comediante, Sandy Wexler, que terá sua estreia na plataforma de streaming em 14 de abril, junto ao início de uma turnê de apresentações em stand-up por várias cidades dos Estados Unidos. Com Sandy Wexler, Sandler volta ao gênero que lançou com Afinado no Amor e Como se Fosse a Primeira Vez. O filme é uma comédia romântica engraçada e leve, que se passa em Los Angeles na década de 90, estrelada pela vencedora do Oscar® e do Grammy® Jennifer Hudson, Kevin James, Terry Crews, Lamorne Morris, Nick Swardson, Rob Schneider, Jane Seymour, o vencedor do Grammy® Aaron Neville e muitos artistas mais.

“Adam Sandler, um dos principais comediantes do mundo do cinema, e seus filmes, têm provado ser extremamente bem-sucedidos entre nossos assinantes por todo o mundo, diz Ted Sarandos, Diretor de Conteúdo da Netflix. “Estamos felizes pela oportunidade de estender nossa parceria com Adam e toda a sua equipe na Happy Madison e continuar a fazer o mundo rir”.

“Eu amo trabalhar com a Netflix e colaborar com eles. Eu amo o quanto são apaixonados por fazer filmes e distribuir para que o mundo inteiro assista. Eles me fazem sentir da família e nem tenho como agradecer suficientemente o apoio que recebo deles”, disse Adam Sandler.

Sandler começou sua carreira como comediante stand-up e foi para o Saturday Night Live como roteirista e ator antes de fundar a Happy Madison Productions. Ele estrelou, produziu e escreveu vários filmes que se tornaram sucessos de bilheteria. Sandler recebeu elogios da crítica por seus trabalhos em Embriagado de Amor, Reine Sobre Mim e Tá Rindo de Quê?. Brevemente ele estará na comédia inédita de Noah Baumbach Meyerowitz, com Dustin Hoffman, Ben Stiller e Emma Thompson.

Os próximos lançamentos de Filmes Originais da Netflix em 2017 incluem The Discovery, de Charlie McDowell, estrelado por Jason Segel, Rooney Mara e Robert Redford; War Machine, de David Michôd, estrelado por starring Brad Pitt, Meg Tilly, Tilda Swinton, Topher Grace, Lakeith Stanfield e Sir Ben Kingsley; Okja, de Bong Joon-Ho, estrelado por Tilda Swinton, Jake Gyllenhaal, Paul Dano, Lily Collins e Steven Yeun; The Incredible Jessica James, de Jim Strouse, estrelado por Jessica Williams e Chris O’Dowd; To The Bone, de Marti Noxon, estrelado por Lily Collins; Death Note, de Adam Wingard, estrelado por Nat Wolff, Lakeith Stanfield e Margaret Qualley; Mute, de Duncan Jones, estrelado por Alex Skarsgard, Paul Rudd e Justin Theroux; Mudbound, de Dee Rees, estrelado por Carey Mulligan, Mary J. Blige, Jason Mitchell e Garrett Hedlund; Our Souls At Night, de Ritesh Batra, estrelado por Robert Redford e Jane Fonda; First They Killed My Father, de Angelina Jolie, baseado nas emocionantes memórias do autor e ativista do Cambodja, Loung Ung; e Bright, de David Ayer, estrelado por Will Smith, Joel Edgerton, Noomi Rapace, Lucy Fry e Edgar Ramirez.

Comentários
Compartilhar:

Vinicius Bitelo

"O mundo mudou, posso senti-lo na água, posso senti-lo na terra, posso senti-lo no ar, muito do que havia está perdido, pois nenhum dos que se lembra, está vivo. "