Série de quadrinhos brasileira será adaptada para o cinema

As distribuidoras Paris Filmes e Downton Filmes, em parceria com a Paris Produções, anunciam a distribuição e a produção de “O Doutrinador”, adaptado da obra homônima de Luciano Cunha, que está sendo roteirizada por Gabriel Wainer e será dirigida por Afonso Poyart, de “Mais Forte que o Mundo”. A partir do conceito da HQ idealizada em 2010 por Luciano Cunha, a narrativa sairá dos livros para ganhar vida nas telas do cinema, em 2017. Será a primeira adaptação de grande porte de HQs nacionais para a grande tela.

Na ficção idealizada por Cunha, que alcançou grande sucesso em 2013 diante das diversas manifestações populares em todo o país, políticos são retratados como vilões e uma pessoa ordinária surge como um justiceiro anti-herói. O “Doutrinador” será o primeiro herói nacional a invadir as telonas e revelar suas táticas a fim de fazer justiça com as próprias mãos e conseguir capturar seus inimigos.

Para estruturar o anti-herói, o personagem combina referências do próprio Cunha, por isso será possível identificar em cena referências de Batman e O Justiceiro. Com gravações previstas para 2017 e roteiro em fase de finalização, a expectativa é que o personagem também ganhe uma série de TV. O plano, segundo Cunha, é que o “Doutrinador” extrapole o universo das HQs e faça frente às franquias de super-heróis já consagradas.

Comentários
Compartilhar:

Lucas Schardong

Estudante de jornalismo. Hobbit, portador de uma das peças da TriForce e mochileiro das galáxias. Ajudante de encanador nas horas vagas. Seguidor da filosofia "Don't Panic!".